Início » Cacatua: preço, características e como adquirir?
Cacatua de estimação

Cacatua: preço, características e como adquirir?

Então é isso, você acabou de ir à casa de um amigo e ficou surpreendido com uma majestosa cacatua, não foi?

Afinal, esta pequena ave apresenta uma plumagem exuberante, um bico formidável e uma habilidade vocal que encanta qualquer pessoa.

No entanto, antes de adquiri-la, é importante fazer uma escolha certa, que corresponda às suas expectativas e também para não incomodá-la à toa.

Cacatua - tudo sobre ave

Outra questão importantíssima, é em relação ao seu preço: a cacatua não é uma ave barata, sendo necessário dispor de despesas contínuas para manter a saúde deste animal em perfeito estado.

Sendo assim, após uma ampla análise sobre os aspectos importantes desse lindo animal. Em especial as espécies mais comuns – você pode encontrá-los com facilidade em criadores especializados para o seu comércio.

Já se tratando de espécies um pouco mais raras, será necessário pesquisas e até mesmo algumas informações para conseguir importá-la.

No mais, como qualquer espécie, a cacatua requer cuidados específicos, portanto, ter conhecimento sobre elas é o primeiro passo para quem a deseja ter como uma nova amiga.

Sem enrolações, continue lendo para aprender tudo sobre estes animais incríveis! Acompanhe.

Conhecendo o animal

Pertencente à família Cacatuide, com cerca de vinte exemplares diferentes. Além de apresentar características físicas e comportamentais bem distintas, a cacatua é uma ave bastante inteligente e pode ser facilmente adestrada.

Isto é, quando adaptada em um ambiente com condições favoráveis para o seu desenvolvimento.

Entre as espécies mais comuns, a cacatua branca e a cacatua-de-crista-amarela são as que mais se sobressaem devido ao seu comportamento dócil e carismático.

Normalmente, estes animais costumam vocalizar bem alto para chamar a atenção de seus tutores. Inclusive, há uma série de casos sobre cacatuas que aprenderam a imitar a voz de seus donos e até a cantar determinadas músicas.

No entanto, é preciso ficar atento: apesar de dócil, esta ave pode-se irritar facilmente!

Um outro fato, é que em cativeiro estes animais podem chegar até os 80 anos, o que significa que você terá uma companheira de longa data para toda vida.

E, se bem tratada, torna-se um animal bem simpático e brincalhão, podendo se afeiçoar com pessoas que ela considera parceira.

Agora, para compreender o humor de uma cacatua, é só observar o seu majestoso penacho (aquelas penas que ficam sobre a sua cabeça).

Quando ela está eufórica, seu penacho permanece bem eriçado, demonstrando toda a sua imponência. Já se notar que a crista anda meio encolhida, é porque ela está bem feliz e calma.

O porém se o topete estiver bem baixo significa que está sob extrema tensão. Assim, uma boa ideia é deixá-la no cantinho dela. Afinal, isso pode te render alguns fios de cabelo arrancados.

Qual a origem das cacatuas?

Vem se tornando comum encontrar pessoas que optaram por ter uma cacatua de estimação. Além disso, há uma infinidade de filmes sobre essa espécie.

Como é o caso do maravilhoso filme de animação, Rio. Assim, a gente se acostumou com a presença delas, de uma forma como se fossem aves domésticas, de comportamento amigável e super entrosadas, não é?

Mas, será que você realmente sabe de onde são as cacatuas?

Apesar do que muitos acreditam, estas aves não são brasileiras! Na verdade, elas são espécies do outro lado do mundo, presentes nos continentes asiático e australiano.

Observe, portanto, que eles não são pássaros naturais do Brasil, sendo considerados como aves exóticas no país.

Neste sentido, se você pretende adquiri-las, deve ter em mente como cuidar de uma cacatua, além de conhecer a procedência e se o estabelecimento está em regularização com o IBAMA.

Mas, antes que você se pergunte o que é um animal exótico – ou qual a diferença deles com os nossos bichinhos de estimação, confira nosso artigo completo sobre animais exóticos e como criá-los.

Afinal, quem pode ter uma cacatua?

Qualquer pessoa com condições para arcar com os custos de vida de uma cacatua pode ter uma. Em média, o seu preço varia entre R$ 15.000 a R$25.000, isto é, dependendo de cada espécie.

Além disso, o animal precisa estar regularizado e ser de origem de um criatório legal, com autorização de um órgão de vigilância responsável.

Para quem está pensando em comprar uma cacatua, receberá um documento específico, vinculado à anilha, o que nada mais é que uma espécie de anel fechado, colocado à pata do animal e utilizado para sua identificação e controle.

Por sinal, é com essa numeração que será possível rastrear o responsável pela tutoria do animal.

Algumas espécies de cacatua + valor do filhote: confira

Como mencionado lá no início, as cacatuas se apresentam em inúmeras espécies de uma mesma família. Com um total de 20 exemplares catalogados, por isso, é de esperar que seus preços variem de espécie para espécie.

Portanto, agora descubra quais cuidados tomar e dicas para escolher a raça ideal.

Galerita ou Cacatua-da-crista-amarela

Cacatua Galerita -

De origem australiana, a Cacatua Galerita é uma das espécies mais famosas do mundo, é um dos maiores exemplares desta ave. Ela mede cerca de 50 cm de comprimento, podendo atingir um peso de pouco mais de 800 g.

Os filhotes dessa espécie variam de R$ 15.000 a R$ 19.000.

Cacatua Negra

Também conhecida por Cacatua das Palmeiras, esta ave pode atingir um comprimento de até 70 cm, podendo atingir um peso de equivalentes 1 kg.

Por serem aves extremamente raras, seu preço pode variar entre R$ 80.000 a R$ 175.000.

Cacatua Moluca

Cacatua Moluca

Da subespécie Cacatua Moluccensis, ela é maior ave do gênero, podendo atingir um comprimento de 50 cm.

O que se destaca nesta espécie, é a sua plumagem rosa-esbranquiçada, com cores que vão do vermelho ao amarelo-claro em suas asas.

Ela tem um comportamento um pouco mais agressivo, levantando de forma constante sua crista enquanto se sente ameaçada.

Aliás, ela tem origens da Indonésia, não tendo exemplares disponíveis no mercado brasileiro. Nos EUA seu preço pode chegar a US$ 2.000 (ou convertido para reais, para cerca de R$ 10.000).

Cacatua Branca

Ou Cacatua Alba. Sua espécie apresenta uma plumagem branca, que vai da cauda ao penacho, exceto o interior de sua crista e algumas partes do interior da cauda e de suas asas.

No Brasil, ela pode ser encontrada por uma bagatela de R$ 15.000 ou R$ 17.000.

Quais cuidados manter ao ter um filhote de cacatua?

Filhote de Cacatua

Ter uma cacatua em casa pode ser muito divertido, mas para isso você deve ficar atento a alguns cuidados para garantir que elas tenham uma boa qualidade de vida.

Afinal, estamos falando de aves exóticas que, assim como as araras-canindé. Essas também falamos em um artigo específico do blog (Como ter uma arara-canindé em casa). Haverá requisitos um pouco mais exigentes em relação ao seu bem-estar.

No entanto, não se preocupe! Com os cuidados certos, temos certeza que sua nova amiga se sentirá confortável, feliz e, acima de tudo, em casa.

Acompanhe!

1. Alimentação

Apresentando um bico forte e compacto, a cacatua tem maior facilidade para comer alimentos que contenham sementes, muito parecido com a alimentação dos papagaios.

Por isso, é aconselhável utilizar ração específica para cacatua, ou para cacatua e papagaio, uma vez que são facilmente encontradas em lojas de petshop.

Além disso, é importante selecionar os melhores alimentos do mercado, com acompanhamento especializado – como suplementos e vitaminas.

A ração extrusada é uma boa alternativa, mas restringir a alimentação a ela, pode ser um contraponto às suas origens. Portanto, balanceie o cardápio com a adição de sementes.

2. Ambiente

Ambiente ideal para Cacatua

Cacatuas precisam de espaço. Por serem aves relativamente grandes, ativas e que curtem momentos de lazer, a melhor sugestão é investir em um viveiro específico para estas aves, que ofereça um grande espaço para ela brincar.

Entretanto, se optar por uma gaiola, é importante levá-la para passear em alguns momentos do dia. Isso claro, em ambientes que sejam seguros para a sua locomoção.

3. Temperatura local

Como são aves naturais de regiões tropicais da Ásia e Austrália, estes animais se sentem dispostos quando imersos em temperaturas altas e com um percentual alto de umidade no ambiente.

Entretanto, ventanias excessivas podem comprometer a saúde destes pássaros, por isso, em dias mais secos, o aconselhável é borrifar gotículas de água sobre as suas penugens.

4. Atividades de lazer

Cacatuas são animais bastante ativos. Por isso, elas não ignoram bons momentos ao lado de seus tutores, além de ter disposição de sobra para realizar longas brincadeiras.

Se estiver passando uma temporada fora de casa, a presenteie com alguns brinquedos. Isso permitirá que ela sempre concentre sua energia realizando tarefas prazerosas.

Conclusão

Ter cacatuas em casa, de fato, não é perigoso. Mas como qualquer animal exótico, existe algumas recomendações, como ambientes específicos para elas, estar atento ao seu comportamento.

Tendo em mente que esses comportamentos podem sofrer de oscilações constantes, e mais do que nunca receber acompanhamento de um médico veterinário especializado regularmente.

Acima de tudo, elas precisam de amor e muito carinho, uma vez que tem maior propensão para se automutilarem quando se sentem oprimidas e sem a atenção de seus tutores.

Mas, ao ser bem cuidada, raramente ficará doente ou terá problemas graves.

E aí, existe mais alguma coisa que você gostaria de saber antes de procurar uma dessas no mercado? Escreva nos comentários!

Mas se você é muito fã de pet exótico, talvez queira dar uma olhadinha no nosso artigo sobre Gatos exóticos: conheça 10 raças inacreditáveis . Quem sabe você goste da ideia de adotar um felino exótico?

Muito obrigada por estar aqui com agente. Volte sempre que precisar.

Então um abraço e até a próxima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima