Porque os Gatos Ronronam

Motorzinho do amor: por que os gatos ronronam

Você já se perguntou porque os gatos ronronam? Bom, certamente já percebeu que praticamente todos o fazem quando lhes damos carinho. Mas, cada um possui o seu próprio estilo de ronronar.

Será, então, que o ronronar tem a ver com cafuné? É um agradecimento pelo amor que damos a eles? Ou é possível que haja outras explicações para o comportamento.

Há uma série de respostas possíveis, as quais apresentaremos no decurso da matéria. Mas uma certeza, apesar de várias dúvidas, existe. Ah, se existe.

E vamos apresenta-la, ao final. Tenho certeza que concordará conosco.

Então vamos, hoje, entender o misterioso mecanismo felino conhecido como “motorzinho do amor”.

Você vem com a gente?

O que é o ronrom

Damos o nome de ronrom à vibração produzida pela respiração dos gatos. Ao inspirarem, o osso hioide relaciona-se com as cordas vocais, gerando o ruído.

Gatos ronronam, portanto, graças a uma composição fisiológica característica deles. Essa composição, embora presente em outros felinos, não constitui ronrom.

Aqueles, os maiores, produzem outro tipo de vibração: o rugido. Entretanto, a grande diferença entre o rugido e o ronrom repousa no modo: o rugido é gerado pela expiração do ar.

Quando gatos ronronam

Porque os Gatos Ronronam

Imediatamente, gatos ronronam quando sentem-se confortáveis e satisfeitos. Contudo podem, também, reproduzir o ronrom em situações extremas, como medo e raiva.

Há, ainda, gatos que ronronam constantemente. Pois, neles, a situação independe: estes gatos ronronam o tempo inteiro, com ou sem estímulo.

Essa variedade de manifestações intriga os especialista há bastante tempo.

Desde então, descobriu-se que gatos ronronam desde bebês, quando abrem os olhos e passam a se movimentar. Suas explorações permanecem seguras graças ao ronrom.

Ali, os gatos ronronam para que a mãe possa os encontrar, em suas aventuras. O ronrom, então, acaba gerando um condicionamento de que ronronar implica em comida.

Isso porque a gata, ao encontrar os filhotes, os alimenta. Muito confortável, não?

Justamente por isso muitos gatos ronronam enquanto pedem comida a seus donos.

Os desdobramentos das descobertas recentes

Quanto mais se estuda, mais descobre-se que gatos ronronam por motivos dos mais variados. Embora dificulte o entendimento pleno e preciso, isso é ótimo.

Afinal, conhecendo todos os desdobramentos do objetivo do ronrom, novas possibilidades podem surgir.

Assim, hoje, já é possível imaginar que gatos ronronam como uma espécie de reparação interna. Um mecanismo de cura própria, que também os acalma.

Então, seria isso uma justificativa para alguns gatos ronronarem quando estressados: estão buscando acalmar-se.

Ainda, faria sentido que o fizessem quando em repouso ou recebendo carinho: o que nos faz bem, também nos cura.

Ainda, há a possibilidade de que o ronrom sirva como exercício físico. Nessa explicação, gatos ronronam, também, para manter a circulação ativa e os músculos em funcionamento.

E o melhor? Tudo durante o próprio descanso. Quase uma máquina de abdominais automáticos, não? O que eles não fariam pela saúde dos pets, não é mesmo?

Muitas possibilidades, uma resposta comum

Porque os Gatos Ronronam

Apesar das diversas possibilidades, ainda sabemos pouco por que gatos ronronam. Mas sabemos que o fazem quando estão conosco, confortáveis e seguros.

Se unirmos todas as possibilidades, podemos tirar algo muito importante: gatos ronronam porque isso faz bem a eles. Devemos, portanto, sempre estimulá-los a ronronar mais.

Outras certezas virão com o tempo. Porém, no meio tempo, muito carinho e cochilos em nossos braços sempre provocarão mais ronrons. E isso é ótimo!

E, então, gostou da curiosidade? Já sabia de tudo isso? Impressionante, não é mesmo?

Por isso é bom que você esteja sempre conosco. Dicas úteis e curiosidades maravilhosas estão sempre aqui!

Conte-nos sua motivação preferida para o ronrom de nossos amiguinhos. E lembremos: quando gatos ronronam, eles também nos curam e acalmam.

Muitos ronrons para vocês, pet lovers!

Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *