Início » Tarântula de estimação: como conseguir uma?
Tarântula de Estimação

Tarântula de estimação: como conseguir uma?

Ainda que pareça assustadora, a tarântula de estimação é mais um daqueles animais exóticos que podem ser criados como pets.

Além disso, existem uma variedade imensa de tarântulas pelo mundo, mas seu habitat preferido são regiões de clima tropical, subtropical e árido.

Para aqueles que gostam de pets diferentões, ter uma tarântula como animal de estimação é uma opção extraordinária.

Especialmente se considerarmos que estes são animais bastante peculiares, além de não ocuparem tanto espaço como gatos e cachorros.

Pareceu uma ideia surpreendente, não foi?

Portanto, se ficou interessado em criar uma tarântula em casa, acompanhe este artigo com ideias incríveis sobre como cuidar, onde comprar, melhores espécies e uma diversidade de outras informações.

Vamos lá? 🤩

Conheça as características gerais sobre a tarântula de estimação

Certamente você já deve ter notado uma variedade de tarântulas de estimação de cores e tamanhos diferentes, não é? Assim como temos certeza que você ficou apaixonado por uma ou outra.

Portanto, para conhecer mais sobre estas espécies, acompanhe os próximos tópicos onde falamos sobre as características e outros dados adicionais sobre elas. Acompanhe!

Características visuais

Não se assuste! Reconhecer uma tarântula de estimação é a coisa mais fácil do mundo.

Tarântula de estimação

Quando comparadas a outras espécies, elas são enormes, além de apresentar uma estrutura corporal repleta de pelos. Esse é o traço mais característico da espécie.

Além disso, a tarântula possui um exoesqueleto. Isso é uma espécie de cutícula mais resistente e flexível que fornece proteção para órgãos internos e membros mais sensíveis.

Seu corpo possui duas seções: a primeira é o cefalotórax e o outro, o abdômen, ambos conectados por um órgão chamado pedículo pré-genital.

Habitat e distribuição

As tarântulas estão presentes em quase todos os continentes, com exceção da Antártica onde não existem condições favoráveis para a sua sobrevivência.

Geralmente, podem ser encontradas em regiões como Chile, Austrália, Espanha, África do Sul, Itália e Turquia, assim como grande parte do continente asiático.

Indo um pouco mais perto, é possível que você as encontre em alguns locais como o estado da Flórida nos EUA, onde o clima favorece a reprodução destes aracnídeos.

Portanto, se você é mais um daqueles com aracnofobia, nossa maior dica é tentar passar o mais distante desses locais! 😉

Estes animais possuem um habitat muito diversificado, que podem ir desde savanas e florestas a regiões montanhosas e matagais.

Levando-se em consideração que eles costumam viver em arbustos e regiões onde predadores têm mais dificuldades para encontrá-los (vegetações densas).

Também é comum que sejam avistadas em locais como residências e apartamentos. Entretanto, isso está mais relacionado à falta de alimento e à expansão humana sobre o seu habitat.

Expectativa de vida tamanho

Uma tarântula consegue chegar a um comprimento de até 25 cm, bem maior do que uma mão humana.

Mas há casos de exemplares que ultrapassem os 30 cm, especialmente as aranhas da espécie Golias.

Aliás, é importante saber que as aranhas fêmeas demonstram um maior crescimento se comparadas aos machos, além de serem as mais vendidas.

Agora, falando um pouco sobre a sua expectativa de vida, é interessante saber que existe uma certa diferença entre os exemplares do sexo masculino e feminino.

Uma tarântula de estimação fêmea pode chegar aos 30 anos, enquanto o macho costuma viver bem menos, não mais que 7 anos.

É claro, sem considerar mortes prematuras, onde os machos são usados como alimento para os seus filhotes. 😱

Comportamento e temperamento de uma tarântula de estimação

Tarântula de estimação

A tarântula é uma das espécies mais dóceis e inofensivas de aracnídeos, mas, é possível que elas se sintam estressadas ao serem manuseadas de qualquer maneira.

Geralmente, elas possuem movimentos bem lentos, sendo mais alerta quando há um indivíduo vivo que pode servir como refeição em seu mesmo recinto. Isso traz à tona todo o seu instinto de caça.

De qualquer modo, é sempre importante agir de forma tranquila e sucinta ao lidar com elas.

Considere sempre que estes animais podem se estressar facilmente e acabar agindo de forma agressiva.

Isso resulta em picadas doloridas e a soltura de pelos urticantes como método de defesa natural.

Espécies mais comuns de tarântulas de estimação

Com tantas espécies de tarântulas de estimação, você deve estar se questionando qual a melhor espécie para comprar e se ter em casa, não é?

Para te ajudar nesta missão, preparamos uma lista completa com as 7 melhores espécies.

Essas são as mais populares entre aqueles que procuram um aracnídeo como bichinho de estimação. Confira:

1. Aranha Caranguejeira-do-joelho-vermelho

Esta tarântula é um dos exemplares mais populares no mundo todo, se apresentando em cores chamativas que vão dos tons vermelhos ao laranja-ferrugem.

A busca por este belíssimo aracnídeo tem se tornado cada vez maior, tudo graças à sua docilidade e por serem uma das espécies mais fáceis de se reproduzir em cativeiro.

Além disso, ele é menos agressivo do que outras espécies de tarântulas, o que evita em muito os ataques com este tipo de animal.

Por ser uma espécie relativamente rara, seu preço pode variar em torno de R$ 600,00.

2. Tarântula-rosa-chilena

De nome científico Grammostola Rosea, a tarântula Rosa Chilena é considerada a mais querida do público para se ter como pet.

Suas cores variam entre tons de castanho e rosa. Aliás, é uma das espécies mais resistentes e com uma expectativa de vida que pode ultrapassar os 25 anos.

Mas não são somente essas qualidades, este animal tem um comportamento extremamente dócil, calmo, além de apresentar uma estrutura robusta e muito chamativa.

Diferente da Joelho Vermelho, para interagir com este animal é preciso ter uma certa cautela. Visto que ele demonstra mais agressividade do que em comparação às outras.

Ela pode ser adquirida numa faixa de preço de R$ 100,00 a R$ 150,00.

3. Tarântula-zebra

A tarântula Zebra, apresenta uma coloração chamativa. Suas cores vão do preto ao castanho-escuro, assim como possui listras brancas em algumas regiões de seu corpo.

Na maioria das vezes, esta espécie demonstra um temperamento calmo e bastante inofensivo. Mas em compensação, é mais ativo e ágil do que outros exemplares.

Em alguns criadouros é possível encontrá-la pelo preço de R$ 350,00.

4. Aranha Curlyhair

A tarântula de estimação Curlyhair recebeu este gracioso nome devido à presença de pelos que se assemelham à textura de cabelos crespos.

Além disso, ela é uma ótima opção para quem busca um aracnídeo para ser criado em cativeiro. Afinal, é bastante dócil e dificilmente atacará o seu tutor.

Mas, é importante saber que esse aracnídeo exige mais cuidados, isso porque seu habitat é proveniente de locais úmidos.

Por isso, ao instalar o viveiro, é preciso se certificar de que haja água corrente e limpa.

No mais, a queridinha Brachypelma Albopilosum pode ser encontrada por valores que vão de R$ 120,00 a expressivos R$ 600,00.

5. Tarântula-golias

Tarântula de estimação

De fato, podemos dizer que este é o animal mais temido por aqueles com aversão a aracnídeos.

Mas também não pudera, essa aranha pode chegar a um comprimento equivalente a 30 cm.

Aliás, para quem tem medo, melhor nem arriscar. Golias são intolerantes ao contato humano.

Elas podem atacar seus tutores de uma forma bem ágil e soltar pelos urticantes como método de defesa.

Não apenas isso, esta aranha apresenta um apetite voraz, podendo se alimentar de pequenos animais e insetos durante longos períodos.

Se você quiser ter um desses bichinhos em casa, terá que desembolsar uma bagatela de não mais que R$ 500,00.

Elas também é conhecida como Dedo de Rosas, esta aranha se apresenta em duas cores bem características.

Suas cores variam entre uma tonalidade marrom-escura que se estende por todo o seu corpo e uma coloração rosa-claro predominante nas pontas de suas patas.

6. Tarântula-macaco

Diferente de outras aranhas, a Macaco não demonstra comportamento canibal, além de ser uma espécie super dócil.

Seu investimento pode variar em torno de R$ 200,00.

7. Pamphobeteus Ultramarinus

Pamphobeteus ultramarinus

Na fase adulta, a Ultramarinus pode apresentar uma variação de cores ainda mais surpreendente.

Similar à Curlyhair, esta espécie necessita de um lugar úmido, o que significa que em seu viveiro deve haver a instalação de uma fonte de água limpa e corrente.

Mas por ser essa tarântula considerada um animal de estimação resistente e portadora de uma beleza singular. O custo para ter a sua companhia é elevado.

Nesse caso, saiba que terá de desembolsar um capital considerável, seu preço pode variar entorno de R$ 2.000,00 a R$ 5.000,00.

Quais cuidados manter para criar uma tarântula de estimação?

Tenha em mente que, se o seu objetivo for ter um pet que se possa brincar, levar para passear e manusear constantemente, uma tarântula de estimação não é uma boa ideia.

No geral, podemos dizer que as tarântulas são animais bem tranquilos, exceto quando precisam caçar seu próprio alimento ou lutar pela sua sobrevivência.

No entanto, se mesmo assim você está disposto em ter um desses aracnídeos em casa, então será necessário seguir algumas dicas específicas. Acompanhe:

1. Escolha uma espécie tranquila

Tarântula de estimação

Se você nunca lidou com este animal, não há porque começar logo com aquelas que apresentam comportamento agressivo.

Isso vai tornar todo o processo de adaptação ruim, concorda?

Por este motivo, é preferível escolher uma tarântula de estimação que possua um temperamento mais dócil e tranquilo, tais como a Zebra ou Macaco.

As tarântulas gigantes como a Babuína ou Azul, são consideradas mais agressivas, além de possuírem um veneno extremamente doloroso.

Sem contar que elas não são nem um pouco toleráveis aos humanos.

2. Adquira um terrário adequado

Ainda que seja ideal investir em um espaço que permite mais flexibilidade para que este aracnídeo se locomova, as tarântulas se adaptam facilmente em locais menores.

No entanto, o modelo do terrário vai muito além do seu tamanho, mas também de acordo com a espécie da sua tarântula de estimação.

Se, por exemplo, for uma espécie que vive em árvores, será necessário investir em ramificações, galhos ou estruturas semelhantes, de modo que se assemelhe ao seu habitat.

No geral, as tarântulas terrestres são as mais recomendadas para se ter em casa, visto que é não é preciso dispor de tantos elementos para compor o seu espaço.

De início, o aconselhável é investir em um terrário com capacidade para 20 litros. Assim, à medida que a tarântula de estimação cresce, considere adquirir um espaço maior, com capacidade para 80 litros.

3. Avalie a saúde da tarântula de estimação

Antes mesmo de comprar ou adotar uma tarântula de estimação, é essencial que você observe o seu estado de saúde.

Fique atento aos sinais. Por exemplo, se notar que a aranha está encolhida em um determinado canto de seu recinto. Isso significa que ela pode estar doente ou com uma idade já avançada.

Por outro lado, se ela estiver com as pernas levantadas, é um sinal de que ela está em um processo de muda.

Tarântula de estimação

Isso significa que ela está passando por mudanças no seu tamanho e cores. Trata-se de um fato natural para algumas espécies.

Esse processo também é conhecido popularmente como “mudança de casca”. Assim, elas abandonam o exoesqueleto e recomeçam a vida com uma nova estrutura novinha.

De modo geral, uma tarântula de estimação saudável permanece de pé com as pernas em círculos, apontando para trás.

Finalmente, avalie se todos os membros do animal estejam em seu devido lugar: as suas oito pernas e os dois braços na frente, também conhecidos por pedipalpos.

Tarântulas podem ser instruídas?

Tarântulas de estimação não são animais que podem ser adestrados, tais como os cães e até mesmo os mini porcos.

Existem uma série de evidências científicas comprovando que elas não possuem capacidades além de suas próprias necessidades de sobrevivência.

Por essas e outras, que uma aranha de estimação é ideal para aqueles que desejam um pet dócil, exótico e, acima de tudo, silencioso.

Conclusão

Ter uma tarântula de estimação fará de você um criador tão exótico quanto o seu próprio animal.

Mesmo que seja um pet de cuidados fáceis, criar uma tarântula de estimação é uma tarefa que exige mais do seu próprio tutor.

Afinal, não é todo mundo que gosta desses bichinhos cheios de patinhas peludas.

É muito importante buscar ajuda de um profissional, pois só ele poderá fornecer informações detalhadas sobre alimentação, limpeza de recipientes e outras curiosidades sobre essas incríveis aranhas.

Contudo, não esqueça de realizar a compra da sua tarântula de estimação nos critérios exigidos por lei, especialmente pelo IBAMA, o órgão de regulação de animais exóticos em nosso país.

Por fim, nossa melhor recomendação é ir pessoalmente ao local escolhido para comprar sua tarântula, assim você poderá avaliar as condições do animal.

E aí, preparado para ter uma aranha como animal de estimação? Qual espécie você mais curtiu? Conta pra gente! 🕷😛

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima